Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Matéria Especial

De volta pra casa

Publicado: sábado,17 de janeiro de 2009
Por: CoralNET

Por Marcos Velloso

No próximo domingo (18), o Santa Cruz volta a jogar no Arruda, pelo Campeonato Pernambucano, contra o Central. Será o reencontro da torcida com o time, depois de quase cinco meses – a última partida do Tricolor no estádio foi no dia 24 de agosto de 2008, pela Série C. Os torcedores corais irão encontrar o Colosso bastante reformulado.

Para celebrar o momento, a diretoria do Santa preparou uma festa que promete ficar na memória de todos por muito tempo. A entrega do Arruda reformado a 16 dias do aniversário de 95 anos do clube é um presente para a torcida do Mais Querido.

Confira abaixo um pequeno resumo dos principais fatos da história do Arruda:

INÍCIO
De 1914 a 1943, o Santa Cruz era considerado um clube nômade, sem um campo e uma sede fixa. Apenas em 1943, o Tricolor alugou um terreno entre a avenida Beberibe e a rua das Moças, isto é, no local onde hoje está o Estádio do Arruda. Em 1954, o Santa comprou o terreno, por 4 milhões de cruzeiros. Na época, José do Rego Maciel era o prefeito do Recife, por isso, foi homenageado com seu nome no estádio, e o ex-presidente tricolor Aristófanes de Andrade teve participação decisiva no processo.



Arruda em 1964 [crédito: Diário de Pernambuco]


Arruda em 1970 [crédito: Diário de Pernambuco]

INAUGURAÇÃO
O campo de treino e de amistosos com arquibancadas de madeira começou a virar um grande estádio somente em 1964, através de um projeto do arquiteto Reginaldo Esteves. Mas, com pouco dinheiro em caixa, a reforma se arrastava a passos lentos. Eis que em 1972 surgiu a Minicopa, torneio disputado por 20 seleções no Brasil – saiba mais aqui.



Arruda depois da inauguração oficial [crédito: desconhecido]

O governador do Estado, Eraldo Gueiros, não queria ver o Recife de fora dessa competição e interveio nas obras do Arruda, concluídas em 1972. Gueiros serviu como avalista para o empréstimo de 4,6 milhões de cruzeiros do Grupo Financeiro Campina Grande ao Santa Cruz. Com o fim da reforma, a capacidade do estádio pulou de 25 para 64 mil.



Arruda em 1981 [crédito: Diário de Pernambuco]

AMPLIAÇÃO
O Arruda ganhou a forma atual em 1982, com a construção do anel superior. Após a ampliação, o Mundão se tornou na época o quarto maior estádio particular do Mundo. A inauguração aconteceu em 1° de agosto, num torneio entre Santa, Sport, Náutico e Central, onde foi registrada a presença de 86.738 pessoas



Arruda em 1982 [crédito: Diário de Pernambuco]

ÚLTIMOS ANOS
Atualmente, por medidas de segurança, a capacidade do Arruda foi reduzida para 60 mil e 44 pessoas. Devido à falta de manutenção, a casa dos tricolores enfrentou uma série de problemas nos últimos anos. Em 2008, por exemplo, o anel superior esteve sempre interditado por falhas na estrutura.



Arruda na década de 90

ATUAL REFORMA
Consciente da necessidade de reformular o Arruda, o presidente Fernando Bezerra Coelho anunciou em outubro passado, durante a sua posse, o investimento de R$ 3 milhões 950 mil em obras no estádio. Em três meses, o gramado foi todo trocado, a estrutura das arquibancadas foi recuperada, toda a parte elétrica e os refletores foram substituídos, o estádio ganhou uma pintura diferente, os banheiros revitalizados e novas cadeiras estão sendo instaladas.



Arruda em reformas em 2009

FUTURO
Em 2007, foi lançado o projeto da Arena Coral, novamente idealizado pelo arquiteto Reginaldo Esteves, que visa a modernização do estádio do Arruda até o ano de 2014 - ano do centenário do Santa Cruz -, adequando o mesmo às especificações da FIFA, e ampliando a capacidade para 68.500 lugares. O investimento total será de R$ 190 milhões.



Projeto para o Arruda em 2014

FICHA TÉCNICA DO ESTÁDIO JOSÉ DO REGO MACIEL

Inauguração Oficial: 04/06/1972 – Santa Cruz 0x0 Flamengo - Público: 57.688 pagantes
Capacidade: 60.044 pessoas sentadas
Maior Público: 29/08/1993 - Brasil 6x0 Bolívia - Público: 96 mil (existem várias informações desencontradas quanto a esse dado. Há quem afirme que o maior público aconteceu no torneio realizado após a segunda ampliação do Arruda – 86.738)
Primeiro gol após a inauguração oficial: Betinho, no amistoso Santa Cruz 1x0 Seleção Brasileira Olímpica, em 7 de junho de 1972
Maiores Artilheiros: Baiano (128 gols), Betinho (112 gols) e Luciano Veloso (78 gols)
Retrospecto do Santa: 1.259 jogos, 759 vitórias, 302 empates, 198 derrotas, aproveitamento de 68%
Retrospecto da Seleção Brasileira: seis vitórias (Uruguai, Iugoslávia, Paraguai, Bolívia, Argentina e Polônia) e um empate (Suíça)
Primeiro título do Santa no Arruda: 1970 – bicampeonato estadual (Santa Cruz 2x0 Náutico) - Público: 25.012 pessoas (antes da inauguração oficial do estádio)

Compartilhe:

De volta pra casa

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.