Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

68,6666666666667

Classifique:

Futebol Profissional

Esquema tático do Santa Cruz com dois volantes fortalece defesa e diminui marcação ofensiva

Publicado: quinta-feira,5 de novembro de 2015, às 12:11
Por: Daniel Lima

O fim da temporada 2015 vai se aproximando, mas o ritmo intenso dos jogos pelo Campeonato Brasileiro da Série B seguirá até a última rodada, no dia 28 de novembro. Não só o Santa Cruz, mas todas as outras 19 equipes estão desgastadas por conta da forte maratona de partidas em curto espaço de tempo. A maioria dos jogadores corais que concederam entrevista durante a semana comemorou a entrada do volante Bileu na equipe titular, mas todos eles ressaltaram a importância do meia Daniel Costa, que perdeu a vaga no time.

Para o zagueiro Alemão, a alteração vai dar consistência ao sistema defensivo do Santa. Ainda por cima, o volante Wellington Cézar, que estava sobrecarregado na marcação, ganhará a parceria de Bileu na cabeça de área, diante do Bahia/BA, no sábado (7), na Arena Fonte Nova.

"A parte defensiva vai ficar mais fortalecida com a entrada do Bileu, mas a gente perde a qualidade com a bola. Daniel Costa é um grande jogador com a bola no pé e acha muitos espaços. Bileu é um cara que dá uma consistência à zaga. Ele também tem a função de sair um pouco mais, já que Wellington Cézar marca forte", analisou o defensor coral.

O antigo esquema tático do Santa Cruz, utilizado nas oito últimas rodadas, também exigia muitos dos pontas Lelê e Luisinho. Ambos são velozes e atuam pelas beiradas,
chegando forte ao ataque com a bola nos pés, mas com a obrigação de voltar rápido para recompor a marcação na investida do adversário.

O atacante Luisinho revelou que vinha sendo desgastante essa função tática de marcar os laterais adversários e o cansaço tem batido na reta final da Série B. Agora, com Bileu na contenção, a responsabilidade do jogador é ajudar Grafite, homem de referência, e também tentar fazer gols.

"Vai chegando o final do campeonato e o desgaste é muito grande. Mas estamos fazendo muito bem o nosso trabalho. Não é à toa que seguimos na briga pelo acesso. A entrada de Bileu faz com que a gente esteja mais disposto a atacar e esteja menos cansado. A gente sabe que essa função de ir atrás do lateral e de quem está passando faz com que o desgaste seja grande para nós. Agora, a gente fica mais inteiro para atacar e pode fazer gols ou dar passes para quem estiver bem posicionado", encerrou.

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Esquema tático do Santa Cruz com dois volantes fortalece defesa e diminui marcação ofensiva

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.