Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

75,5333333333333

Classifique:

Futebol Profissional

Após reclamar de substituição, Lelê se desculpa com técnico e Martelotte minimiza episódio

Publicado: sábado,7 de novembro de 2015, às 21:14
Por: Daniel Lima

O Santa Cruz perdia o jogo por 1 a 0, quando, aos 9 minutos do segundo tempo, Marcelo Martelotte chamou o meia Raniel para entrar no lugar de Lelê, que viu a placa levantada indicando a substituição do número 11 pelo camisa 19. Insatisfeito por ser substituído, o jogador, ainda dentro de campo, discutiu com o treinador e disparou contra seu comandante: “A culpa é minha?” Logo depois, o zagueiro Neris e o lateral esquerdo Marlon deixaram o banco de reservas para esfriar os nervos do companheiro. 

Após o incidente, os protagonistas minimizaram o desentendimento. Segundo Lelê, as desculpas já foram pedidas pelo ocorrido. De cabeça fria, ele comemorou a vitória de virada pelo placar de 2 a 1 sobre o Bahia/BA. “Isso aí acabou. Já conversei com o técnico Martelotte. Desculpei-me pelo episódio. Ainda bem que a vitória veio. Ele optou por me tirar, com toda razão, acertou e conseguimos a virada aqui. Agora, é pensar já no próximo jogo”, contornou a situação. 

O técnico Marcelo Martelotte entendeu que esse tipo de discussão é de jogo, mas explicou que Lelê foi substituído pela necessidade do resultado. Além disso, garantiu que as pazes já foram feitas logo depois do apito final. 

“Satisfeito por sair ninguém fica. Às vezes faço algumas mudanças quando o jogador não aguenta mais. E algumas são feitas por ordem de necessidade. Isso que aconteceu é coisa do jogo, de atleta que tem vontade de ficar mais em campo. Ele já pediu desculpa aqui no vestiário, mas o que explico é que não culpo ninguém, nem faço substituição por culpa. Era uma necessidade”, disse o treinador do Santa Cruz.

Compartilhe:

Após reclamar de substituição, Lelê se desculpa com técnico e Martelotte minimiza episódio

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.