Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

93,6363636363636

Classifique:

Futebol Profissional

A um passo do acesso, Martelotte quer segurar emocional e trabalhar ansiedade dos jogadores

Publicado: segunda-feira,16 de novembro de 2015, às 12:14
Por: Daniel Lima

Ansiedade pelo acesso fica apenas para a torcida do Santa Cruz. O clima de festa dos torcedores não pode ser passado para os jogadores, que, nesse momento, faltando duas rodadas para o final do Brasileiro da Série B, precisam manter o foco e a concentração tanto nos treinamentos como nas batalhas que têm pela frente. Para evitar surpresas, o técnico Marcelo Martelotte voltou a se preocupar em controlar a ânsia dos seus comandados, mas assegurou um time muito centrado na semana encarada como decisiva. 

"Temos que manter o que fizemos durante todo o campeonato. Vamos pensar no próximo jogo. Esse pensamento jogo a jogo pode decidir o nosso acesso. É buscar um comportamento de trabalho durante a semana de treinos. É lógico que emocionalmente você precisa segurar a ansiedade, até porque a semana vai ser longa. Todo mundo pensando o quanto é importante o jogo contra o Mogi, no sábado que vem. Mas a gente vai continuar trabalhando jogo a jogo", afirmou o comandante.

Durante a reta final, o treinador do Santa sempre ignorou a matemática pelo acesso à Série A. Contudo, agora, o cálculo é básico para o objetivo ser alcançado: basta o tricolor vencer o Mogi Mirim/SP, no próximo sábado (21), em Itu, para garantir a subida de divisão com uma rodada de antecedência. "Agora estamos a uma vitória de conquistar esse acesso. Acho que merecemos pelo que fizemos durante toda a competição e pela nossa ascensão", encerrou o técnico Marcelo Martelotte, em coletiva após a goleada sobre o Botafogo/RJ por 3 a 0, no Engenhão, no último sábado (14), pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Compartilhe:

A um passo do acesso, Martelotte quer segurar emocional e trabalhar ansiedade dos jogadores

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.