Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

85,8333333333333

Classifique:

Futebol Profissional

Dirigente sobre Maxi Biancucchi: "Se vier para o Santa Cruz, será com uma parceria"

Publicado: terça-feira,5 de janeiro de 2016, às 10:32
Por: Daniel Lima

Nenhuma das contratações do Santa Cruz para 2016 causou impacto, mas a torcida segue aguardando ansiosamente o acerto com algum reforço renomado. Esse jogador pode ser o atacante Maxi Biancucchi, que atualmente está no Bahia/BA. Apesar das especulações que surgiram na semana passada sobre a possibilidade da vinda do argentino para o Arruda, o vice-presidente Constantino Júnior foi cauteloso ao tocar no assunto, principalmente ao falar de questões salariais.

O dirigente coral não deu pistas sobre a negociação, portanto deixou claro que o clube só pode fechar um contrato com Maxi caso o seu salário seja dividido entre o Santa e o tricolor baiano. Além do mais, explicou que outros fatores estão sendo estudados internamente antes de firmar algum acordo.

“Houve uma sondagem, mas estamos tendo muita tranquilidade. Se ele vier para o Santa Cruz, será com uma parceria, pois não pagaremos o salário inteiro.  Tudo isso está sendo resolvido internamente. Estamos avaliando não só a parte técnica, como histórico de lesões, comprometimento e outros fatores. Temos conversado muito com Marcelo (Martelotte) e esperamos que em pouco tempo, se for Maxi ou outro atleta, vamos anunciar os nomes desses jogadores”, disse Tininho.

No final da semana passada, o presidente Alírio Moraes revelou que o Santa já tinha apalavrado toda a situação com o empresário do jogador e o Bahia/BA para contratar o atacante. O único empecilho era a resposta de Biancucchi, que estava no Paraguai e só sinalizariam algo após a viagem de férias. Ele, inclusive, se reapresentou normalmente ao Tricolor de Aço na última segunda-feira (4), no Fazendão.

Primo de Lionel Messi, craque do Barcelona, Maxi tem muita experiência e hoje está com 31 anos. Ele está defendendo o Bahia há duas temporadas e também acumula passagens por Vitória/BA, Olimpia, do Paraguai, e Flamengo/RJ. Em 2015, pela equipe baiana, disputou três competições - Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro da Série B. Foram 48 partidas, sendo 43 como titular, nas quais marcou 13 gols. 

Foto: Divulgação/EC Bahia

 

Compartilhe:

Dirigente sobre Maxi Biancucchi: "Se vier para o Santa Cruz, será com uma parceria"

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.