Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

41,2

Classifique:

Futebol Profissional

Grafite se queixa do esquema com três zagueiros e Martelotte praticamente descarta usar novamente

Publicado: quinta-feira,25 de fevereiro de 2016, às 10:49
Por: Daniel Lima

O técnico Marcelo Martelotte sabia que existia um risco após a decisão de mudar o esquema tático do Santa Cruz para enfrentar a Juazeirense/BA. A opção de escalar três zagueiros não deu certo e trouxe dificuldades para o time, principalmente nos primeiros 45 minutos. Além de nunca ter utilizado essa formação em sua era, o treinador sequer teve tempo de treinar a equipe para jogar dessa maneira e acabou pagando caro no fim das contas com o empate em 1 a 1 no estádio do Arruda.

Depois do vexame dentro de casa pela 3ª rodada da Copa do Nordeste, o atacante Grafite reconheceu que o Santa não conseguiu se encontrar em campo com o novo esquema. "Não estamos conseguindo aproveitar o fator casa como no ano passado. Não conseguimos assimilar o esquema que Marcelo (Martelotte) pediu e tivemos muitas dificuldades. A prática é diferente da teoria. Com as substituições, melhoramos no segundo tempo, mas o cansaço bateu. Temos que superar tudo isso", declarou.

O treinador do Santa Cruz se responsabilizou pela opção de alterar a maneira do time jogar e admitiu que nunca tinha treinado desta forma. Para ele, a defesa precisava de mais segurança para dar estabilidade ao setor mais questionado neste início de ano. Mas todas as orientações foram passadas na base de uma simples conversa na concentração.

"A intenção era ter mais segurança lá atrás. De um modo geral, tivemos. Tomamos um gol de bola parada, mas ficamos bem seguros com os três zagueiros. Assumo a responsabilidade pela mudança. Não temos tempo para treinar e recuperar nosso elenco de um jogo para o outro. Chamei os 11 titulares na hora do almoço e explanei a minha ideia para essa partida.
Todos entenderam e perguntei até se havia alguma dúvida, mas a responsabilidade é minha", explicou.

Para o próximo jogo, contra o Central, em Caruaru, Martelotte praticamente descartou a possibilidade de mandar a campo uma equipe com três zagueiros. Ele mesmo admitiu que só tem condições de jogar assim com mais tempo para treinar e deixou a ideia para quem sabe num futuro próximo.

"Descartado de vez nunca está. Só acho que para mudar o esquema definitivamente é preciso trabalhar mais. Não é provável que isso aconteça daqui pra frente. Depende muito da característica específica do jogo. Os três zagueiros têm qualidade e na hora que tiver que jogar com dois, vou jogar. Ainda temos Neris, Everton Sena. Essa questão individual não me preocupa. Vejo mais o coletivo", disse.

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Grafite se queixa do esquema com três zagueiros e Martelotte praticamente descarta usar novamente

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.