Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

25,75

Classifique:

Futebol Profissional

Milton Mendes minimiza desclassificação, aponta os erros do Santa e destaca que prioridade é a Série A

Publicado: quinta-feira,21 de julho de 2016, às 06:53
Por: Messias Amorim

O Santa Cruz não conseguiu vencer o Vasco da Gama/RJ, jogando no Arruda. O tricolor foi derrotado por 3 a 2 e foi eliminado da Copa do Brasil na terceira fase, perdendo a chance de avançar para as oitavas de final. Após o resultado negativo, o técnico Milton Mendes tentou explicar a derrota e alegou que a equipe coral se preocupou muito em se defender no primeiro tempo. Além disso, Mendes deixou claro que a principal prioridade do clube é se manter na Série A do Brasileirão e voltou a comentar sobre reforços para o Santa.

“Iniciamos o jogo com a equipe em fase de contensão. No intervalo, Neris sentiu um pouco e optamos pelo João Paulo para ter mais construção. Isso não ocorreu no primeiro tempo. Infelizmente logo no início do segundo tempo levamos o gol e desarmamos a nossa estratégia”, disse Mendes.

ERROS
“No pós-jogo eu tranquilizei os jogadores, porque temos que pensar na próxima partida. E depois temos que corrigir algumas coisas. No intervalo eu não estava satisfeito porque achei que estávamos se preocupando muito em defender. Entrega e luta não faltou, mas os jogadores não estavam conseguindo. Eu pretendia uma equipe com mais contensão, no intervalo eu mudei, mas infelizmente tomamos três gols”, revelou.

PRIORIDADE
“Nós queríamos se manter na Copa do Brasil, mas infelizmente não conseguimos. Existe uma dificuldade na Sul-Americana. Temos que nos debruçar em cima disso, mas o mais importante é ter elenco. Não podemos esquecer nunca que nossa prioridade é o Campeonato Brasileiro. Queremos permanecer na Série A. Vamos entrar em todos os jogos para vencer”, destacou.

CONTRATAÇÕES
“Tudo mundo sabe que nós estamos à espera de alguns reforços. É importante que a gente tenha os pés no chão. É importante que se busque jogadores, mas que paguem os que estão aqui. Não preciso estar cobrando porque sabemos do orçamento do clube e temos muitas dificuldades. Já aprendi que com o Santa Cruz é tudo com muita luta e muita determinação. Muito sangue fervendo na veia, muita vontade e muita disposição. Se as coisas fossem sempre boas, não haveria motivação para lutar”, finalizou o técnico coral.

OUÇA A ENTREVISTA

Compartilhe:

Milton Mendes minimiza desclassificação, aponta os erros do Santa e destaca que prioridade é a Série A

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.