Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

34,3333333333333

Classifique:

Futebol Profissional

À espera do novo técnico, auxiliar Adriano Teixeira deve comandar interinamente o Santa pela sexta vez

Publicado: quinta-feira,11 de agosto de 2016, às 14:12
Por: Daniel Lima

Enquanto o Santa Cruz não anuncia a contratação de um técnico, um profissional da casa bota a mão na massa e prepara o time para a difícil missão contra o Vitória/BA, no estádio Barradão. Desde a saída do treinador Milton Mendes, que foi desligado do clube na última terça-feira, o auxiliar técnico Adriano Teixeira recebeu a tarefa de orientar o elenco coral durante os treinamentos e, caso a diretoria não feche com um novo comandante até o dia de hoje, ele será treinador interino do clube pela sexta vez.

Este ano, ele comandou o time interinamente em três jogos, sendo dois deles após a demissão do técnico Marcelo Martelotte.  À frente da equipe, um empate diante do América pelo placar de 0 a 0, na Ilha do Retiro, pelo Campeonato Pernambucano, no dia 26 de março, e quatro dias depois uma vitória em cima do Ceará/CE por 2 a 1, pela semifinal da Copa do Nordeste. A outra partida foi na final do Nordestão contra o Campinense/PB, quando o Santa venceu por 2 a 1. Na ocasião, Adriano Teixeira e Edinelson Silva comandaram a equipe, um no primeiro tempo e outro no segundo, respectivamente, devido à ausência de Milton Mendes, que estava cumprindo suspensão por ter sido expulso no confronto com o Bahia/BA, na Fonte Nova.

Adriano Teixeira teve mais uma experiência como técnico interino em 2014, quando voltou ao Santa Cruz para assumir a função de auxiliar técnico. Entre a saída de Sérgio Guedes e a chegada de Oliveira Canindé, no Campeonato Brasileiro da Série B, ele colocou o time em campo no empate de 1 a 1 contra o Icasa/CE, no Arruda.

Já em 2007, ele, zagueiro e capitão do Santa à época, viveu um momento curioso nos tempos macabros do clube. Depois do time ser goleado pelo Brasilense/DF por 3 a 0, nos últimos jogos da Série B daquele ano, o treinador Mauro Fernandes entregou o cargo e a bomba sobrou para Adriano Teixeira, que mesmo como jogador assumiu o comando na partida em que o time tricolor perdeu para o Criciúma/SC por 2 a 0, fora de casa, pela penúltima rodada da competição, culminando o rebaixamento coral à Série C. Nove anos depois de se dividir em duas funções, ele terá a sua sexta experiência como técnico interino. 

AUXÍLIO 

Durante os treinamentos semanais, o auxiliar Adriano Teixeira tem recebido a ajuda de outros profissionais da casa, como o preparador físico Jailton Cintra e Joelson Correia, além do fisiologista Clóvis Calado. Com a saída do técnico Milton Mendes, o auxiliar Edinelson Silva e o preparador físico Flávio Trevisan também deixaram o clube. 

Compartilhe:

À espera do novo técnico, auxiliar Adriano Teixeira deve comandar interinamente o Santa pela sexta vez

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.