Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Santa busca feito inédito: valorização internacional da marca do clube na Sul-Americana

Publicado: terça-feira,30 de agosto de 2016, às 16:56
Por: Daniel Lima

O sétimo Clássico das Multidões vale uma vaga na fase internacional da Copa Sul-Americana. Santa Cruz e Sport Recife, que empataram em 0 a 0 no jogo de ida na Arena de Pernambuco, brigam por uma classificação nesta quarta-feira (31), novamente no mesmo estádio do primeiro confronto. Desta vez, o mandante será o time rubro-negro, que precisa vencer para avançar. Já os tricolores têm a pequena vantagem de empatar com gols para garantir a classificação. Se o placar zerado for repetido, os rivais vão decidir nas penalidades máximas.

Após conseguir a classificação para a Sula com o título da Copa do Nordeste deste ano, o Santa está disputando pela primeira vez em 102 anos de história um torneio continental. Mas o fato inédito de ter a chance de enfrentar um time de fora do país só pode ser consolidado caso os tricolores eliminem o maior rival na segunda fase da competição. Para que isso torne-se realidade, Doriva prometeu empenho para alcançar o objetivo e destacou o quanto é importante projetar a marca do clube internacionalmente.

"Como é uma situação inédita, é preciso aproveitar da melhor maneira possível. Vamos fazer de tudo para passar de fase e entrar na etapa internacional. A competição projeta a marca do clube e realmente temos que fazer de tudo para ir o mais longe possível, porque o Santa Cruz pode ficar mais reconhecido ainda, como já é nacionalmente", assinalou.

Como as equipes já jogaram sete clássicos entre si nesta temporada, o técnico Doriva não acredita em surpresas para o jogo decisivo pela segunda fase da competição internacional. Porém, avisou que a equipe com melhor comportamento dentro de campo provavelmente vai levar a melhor.

"É difícil você surpreender, pois as equipes já se conhecem. Não tem jogadores novos, mas o que vai valer é a agressividade, a imposição e ambição pela vitória. Temos que passar dessa eliminatória. O Sport é um adversário qualificado e temos que fazer o possível e o impossível para passar dessa eliminatória", declarou o treinador coral.

Compartilhe:

Santa busca feito inédito: valorização internacional da marca do clube na Sul-Americana

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.