Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

85,8333333333333

Classifique:

Futebol Profissional

Treinador do Santa lamenta pontuação conquistada até aqui, mas avisa: “vamos lutar até o fim”

Publicado: sexta-feira,9 de setembro de 2016, às 16:28
Por: Messias Amorim

O técnico Doriva não ficou satisfeito com o empate do Santa Cruz, na tarde de ontem (7), diante da Chapecoense/SC, em 2 a 2, na Arena de Pernambuco. O Santa sofreu o gol de empate aos 41 minutos do segundo tempo – em cobrança de pênalti. O treinador lamentou a falta de pontos na Série A, mas afirmou que não irá desanimar. O comandante coral destacou que a equipe vai “lutar até o fim”. O Tricolor do Arruda conquistou apenas 20 pontos até aqui, acumulando cinco vitórias, cinco empates e treze derrotas. Um aproveitamento de apenas 29%.

“Se tivéssemos com uma pontuação boa, seria um bom resultado, por conta das circunstâncias do jogo. Lamentamos a falta de pontos, mas não vamos nos entregar. Vamos lutar até o fim, e tentar aproveitar os jogos no Recife para reentrar no Campeonato Brasileiro e continuar na briga. Vencendo a próxima partida não saímos da zona de rebaixamento, mas temos que lutar para conseguir os pontos”, ressaltou.

Doriva lamentou também o elenco reduzido do Santa Cruz, apesar de ter aprovado as atuações de Jadson e Arthur, que substituíram Derley e Keno, respectivamente. O treinador ressaltou que qualquer jogador que fica de fora faz falta para a equipe.

“Keno e Derley são jogadores importantes. O que eles representam na equipe é evidente que sempre faz falta. No entanto, o Jadson fez uma boa partida junto com o Arthur. O Derley chegou recentemente, mas sempre se entrega no campo. Sem dúvida faz falta. Nosso elenco não é grande, e quando perdemos jogadores sempre faz falta”, analisou o técnico do Santa Cruz.
 

Compartilhe:

Treinador do Santa lamenta pontuação conquistada até aqui, mas avisa: “vamos lutar até o fim”

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.