Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

34,3333333333333

Classifique:

Futebol Profissional

Santa Cruz classifica possível vaga do Ceará na Copa do Nordeste 2017 como virada de mesa

Publicado: quarta-feira,5 de outubro de 2016, às 07:24
Por: Daniel Lima

A Copa do Nordeste do próximo ano ainda nem começou, mas já tem polêmica em jogo. Desde o fim dos estaduais disputados este ano, os 20 participantes do torneio regional estavam definidos, mas uma possível articulação feita nos bastidores cearenses pode mudar um dos representantes da região. O Ceará/CE, quinto lugar no campeonato estadual, deu indícios de uma virada de mesa. Isso porque o Fortaleza/CE, campeão, e o Uniclinic/CE, vice-campeão, asseguraram a princípio as vagas reservadas para o futebol local.

Após o sorteio dos grupos do Nordestão realizado na noite da última terça-feira, na Paraíba, o segundo representante do Ceará (a ser definido) caiu na chave A, com Santa Cruz, Náutico e Campinense/PB. Para que o Vozão entrasse no campeonato, seria necessário que pelo menos três times desistissem de disputá-lo: um dos finalistas e ainda o Guarani de Juazeiro/CE, terceiro colocado, ou o Guarany de Sobral/CE, quarto lugar. Um dia antes do evento, a CBF mantinha o Uniclinic/CE no pote 4 como segundo representante do futebol cearense, mas não foi isso que aconteceu.

O Uniclinic/CE, o Guarani de Juazeiro/CE e o Guarany de Sobral/CE disseram que por conta de problemas financeiros não poderiam jogar o Nordestão, mesmo com a cota de R$ 365 mil paga na fase de grupos e o custeio de passagem aérea e hospedagem. Inclusive, o vice-campeão cearense havia colocado o recebimento do dinheiro como condição para herdar
sua vaga.

Como não tinha conseguido uma vaga para disputar o torneio regional do próximo ano, o Ceará/CE pediu para antecipar mudanças no formato da Copa do Nordeste de 2018 para 2017 para que pudesse disputá-la no ano que vem. Sem sucesso, os alvinegros aceitaram o convite para entrar na Primeira Liga de 2018, torneio realizado entre os clubes de Minas Gerais, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná e Rio de Janeiro.

Em entrevista ao Superesportes, o vice-presidente Constantino Júnior definiu a possível entrada do Ceará/CE na Copa do Nordeste do ano que vem como uma virada de mesa. "A gente fica incrédulo de saber como um time que não disputa a Copa do Nordeste vai disputar o Campeonato Cearense, que não tem 10% da cota a que ele teria direito. Vamos aguardar que a CBF e a Liga do Nordeste se manifestem, mas o que a gente torce é pelo princípio da igualdade e da justiça. Certamente, o Uniclinic deve participar da competição", declarou.

A alegação do Santa Cruz é justamente pela distorção de forças nos grupos. Até porque se o Ceará/CE fosse incluído no sorteio, estaria no pote dos cabeças de chave, por conta do ranking da CBF em vigor. Mas, caso fique com a vaga, o clube cearense vai entrar como representante do pote 4, destinado aos times de pior ranqueamento.

Apesar da indignação, a diretoria coral praticamente descartou acionar a Justiça. "Se for confirmada, a entrada do Ceará é uma virada de mesa e isso não combina com a competição que tem crescido. Caímos no grupo mais difícil, sem dúvida alguma. Isso gera uma distorção já que pelo regulamento há mais chances de um time em um grupo mais fácil se classificar como segundo colocado. Não vamos levar isso para a Justiça, mas vamos protestar formalmente", disse Constantino Júnior.

Compartilhe:

Santa Cruz classifica possível vaga do Ceará na Copa do Nordeste 2017 como virada de mesa

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.