Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

58,8571428571429

Classifique:

Futebol Profissional

Doriva mostra alívio com pagamento de um mês de salários ao elenco do Santa Cruz

Publicado: domingo,16 de outubro de 2016, às 14:53
Por: Daniel Lima

Os salários atrasados deixam o ambiente no Arruda mais pesado. Com problemas financeiros, a diretoria do Santa Cruz pagou um mês ao elenco na última quinta-feira, mas ainda deve dois meses aos jogadores e quatro ao administrativo. Diariamente, o técnico Doriva tenta controlar a crise interna para que as coisas não piorem ainda mais. Por outro lado, o treinador coral confia no esforço da direção para sanar as dívidas. 

“Isso (o pagamento) ajuda, com certeza. A diretoria nunca se omitiu e está tentando de todas as formas. O nosso último jogo (contra Corinthians) seria em casa e fizemos em Cuiabá visando um maior recurso financeiro ao clube para quitarmos parte desses débitos”, disse. 

A situação do clube é tão incômoda que o atacante Grafite soltou o verbo contra a diretoria do Santa e ainda criticou o planejamento para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série A. O episódio aconteceu justamente após a derrota do time coral para o Flamengo/RJ por 3 a 0, no Pacaembu, pela  29ª rodada. Antes disso, o camisa 23 já tinha exposto a realidade interna do clube. Segundo ele, tinha jogador que estava precisando de ajuda por estar sem dinheiro para ir treinar. 

Apesar do momento terrível fora das quatro linhas, o técnico Doriva garante que o elenco sempre foi comprometido e nunca deixou de atuar com seriedade por conta dos salários atrasados. “Em momento algum, por conta dos atrasos, deixamos de correr e de estarmos concentrados nos jogos. Vamos trabalhar com dignidade sempre, até porque os profissionais aqui querem muito triunfar”, pontuou. 

Compartilhe:

Doriva mostra alívio com pagamento de um mês de salários ao elenco do Santa Cruz

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.