Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

25,75

Classifique:

Futebol Profissional

Em momento delicado, Doriva destaca vontade dos jogadores do Santa; Treinador voltou a falar sobre 2017

Publicado: terça-feira,18 de outubro de 2016, às 18:12
Por: Messias Amorim

Não é novidade que o Santa Cruz está em uma situação extremamente delicada na Série A e que a permanência na elite do futebol nacional é muito improvável. O Tricolor poderá sacramentar o rebaixamento para a Série B se perder para o Botafogo/RJ, nesta quarta-feira (19), às 20h45, no Estádio do Arruda, pela 32ª rodada.

Apesar do momento trágico, o técnico Doriva ressaltou, em entrevista coletiva, que nunca faltou vontade por parte do elenco do Santa. No entanto, ele revelou que percebeu um abatimento na última partida, quando os corais perderam para a Ponte Preta/SP, por 3 a 0. O treinador voltou a falar do planejamento para 2017 e revelou que não está satisfeito com seu trabalho no Santa Cruz. Contudo, está com a consciência tranquila, pois não faltou esforço.

“No último jogo eu vi um abatimento que não pode existir, e não estava existindo. Estamos combatendo isso. Mesmo não conseguindo os objetivos, vínhamos fazendo bons jogos. Os atletas têm que entender que estão disputando uma competição de nível nacional. O jogador tem o nome dele e do clube para zelar. Eu também tenho meu nome para zelar. Temos que estar concentrados para fazer um bom jogo. Ganhar ou perder é outra circunstância. Em nenhum momento houve perca de vontade”, ressaltou o treinador.

PLANEJAMENTO
“A gente sabe que é uma situação dificílima e praticamente irreversível. Só Deus pode mudar a situação, pois é algo muito difícil de mudar. Mesmo a gente perdendo matematicamente as chances – o que ainda não aconteceu – o clube tem que começar a se organizar e se mobilizar para buscar opções para o próximo ano. Independentemente de estar na Primeira ou Segunda Divisão, vai ter o campeonato estadual e o clube tem que se organizar internamente. Tem que pensar no futuro. Um planejamento que todos os clubes têm que fazer”, disse.

FUTURO
Ainda não sentei (para conversar) com a diretoria, mas pretendo fazer isso em breve. Até comentei com Tininho (Constantino Júnior, vice-presidente do Santa Cruz) que precisamos conversar e ver o que pode acontecer no futuro. No entanto, ainda não tivemos essa conversa”, afirmou.

FRUSTRAÇÃO
“Com certeza existe (frustração). Eu lamento porque a equipe não conseguiu a produção esperada e não conseguiu transformar boas atuações em vitórias. Eu só fico satisfeito com o trabalho quando as coisas acontecem. Lamento muito por não ter conseguido vitórias e, consequentemente, pontos, que tirariam o clube dessa situação. Mas tenho a consciência tranquila, pois estamos dando o nosso melhor. Muitos fatores influenciam essa situação, mas em nenhum momento – mesmo o Tiago Cardoso dizendo que tem vergonha – houve negligência dos atletas ou corpo mole”, destacou Doriva.

Foto: CoralNET

 

Compartilhe:

Em momento delicado, Doriva destaca vontade dos jogadores do Santa; Treinador voltou a falar sobre 2017

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.