Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Prestes a disputar seu primeiro clássico em Pernambuco, Eutrópio lembra ligação com o Náutico

Publicado: domingo,29 de janeiro de 2017, às 13:26
Por: Daniel Lima

O primeiro clássico de Vinícius Eutrópio como técnico no futebol pernambucano tem um sabor especial. Será um reencontro com o clube no qual se aposentou como jogador. Foi no Náutico que o ex-volante e capitão, aos 33 anos, pendurou as chuteiras e deu seus primeiros passos para tornar-se treinador. Virou auxiliar técnico do Timbu, comandado por Arthur Neto, em 2000 e começou a trilhar a carreira que segue até hoje.

A passagem de Eutrópio no posto de assistente técnico do Náutico foi curta. Logo depois, assumiu o cargo de coordenador técnico do Atlético-PR (2000-2006) e, antes de sair para a mesma função no Fluminense-RJ seis anos depois, foi treinador interino no Furacão. Agradecido por tudo que o Náutico lhe proporcionou para crescer na carreira, o treinador coral destacou o quanto o Clássico das Emoções, no domingo (29), na Arena de Pernambuco, é representativo.

"É gostoso (enfrentar o Náutico) por se tratar de um clássico e porque foi o clube que abriu portas para mim no pós-carreira. Vai ser mais gostoso ainda se a gente terminar o clássico ganhando, com todo o respeito e todo o carinho que a gente tem. Mas é óbvio que a gente tem que dar uma alegria maior à nossa torcida", disse.

As conquistas do profissional, de 50 anos, se concentram em Santa Catarina. Antes de ser técnico, foi campeão estadual como jogador duas vezes do Campeonato Catarinense: 1989, pelo Criciúma-SC; 1996, pelo Figueirense-SC. Como técnico, conquistou o acesso à Série A em 2013 pelo Figueira e em 2014 voltou a ser campeão estadual.

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Prestes a disputar seu primeiro clássico em Pernambuco, Eutrópio lembra ligação com o Náutico

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.