Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

82,4

Classifique:

Futebol Profissional

Superação e vontade: Santa Cruz mostra poder de reação pela terceira vez na temporada

Publicado: sexta-feira,10 de fevereiro de 2017, às 10:18
Por: Daniel Lima

A emoção no fim dos jogos acompanha o Santa Cruz neste início de temporada. O poder de reação do time tem matado a torcida do coração, mas ao mesmo tempo enche de alegria. Na vitória contra o Central, os tricolores perdiam de 2 a 1 até os 40 minutos do segundo tempo e em sete minutos avassaladores conseguiram marcar três gols, vencendo a partida numa virada dramática pelo placar de 4 a 2, na Arena de Pernambuco, pela terceira rodada do Hexagonal do Título do estadual.

Não é a primeira vez que o time do técnico Vinícius Eutrópio deixa para correr atrás do resultado nos minutos finais. Diante do Campinense-PB, na estreia da Copa do Nordeste, e contra o Náutico, no primeiro jogo do Pernambucano, o Santa empatou as partidas no "apagar das luzes" e ambas terminaram em 1 a 1.

Para o treinador coral, essas retomadas no fim dos jogos se dão pela valentia, raça e garra dos seus jogadores dentro de campo. A determinação, a superação e força de vontade de não desistir são aspectos que ajudam para uma reação.

“É uma mistura de tudo, de nível de concentração, de querer ser um grupo vencedor. Um grupo que se torna vencedor é aquele que não dá oportunidade para ninguém, e esses jogadores têm demonstrado isso. Esse grupo está mostrando a cada dia mais vontade, se superando”, enalteceu.

SAIBA MAIS

Após vitória dramática, jogadores do Santa destacam paciência para virada emocionante

OUÇA OS GOLS DA VITÓRIA

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Superação e vontade: Santa Cruz mostra poder de reação pela terceira vez na temporada

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.