Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

82,4

Classifique:

Futebol Profissional

Júnior Rocha analisa pressão do adversário e enaltece comprometimento dos jogadores

Publicado: quarta-feira,14 de fevereiro de 2018, às 23:07
Por: Alexandre Ricardo

Aos poucos, o Santa Cruz vai se encontrando na temporada e após a segunda vitória seguida no ano e o primeiro triunfo no Campeonato Pernambucano, o técnico Júnior Rocha procurou pontuar os aspectos positivos da sua equipe. 

O segundo tempo da partida contra o Afogados da Ingazeira foi de superioridade para os donos da casa. Atrás do placar, o time do interior sufocou o Mais Querido e por pouco não complicou a vida tricolor. A análise do treinador coral foi simples, tentando explicar os motivos para que o jogo ganhasse tal desenho. 

" Se aproveitássemos as oportunidades que criamos, teríamos um jogo mais tranquilo. Não fomos eficientes o bastante para ter um placar mais cômodo. Mas é assim mesmo, vamos construindo a cada jogo em busca dos nossos objetivos. O que mais cobramos é a entrega junto com a organização, e o pessoal vem entendendo bem o que é ser Santa Cruz ", argumentou. 

Como não poderia ser diferente, o assunto Clássico das Emoções já está em pauta. Contente com o momento, Júnior Rocha aproveitou para convocar a Torcida Mais Apaixonada do Brasil na partida contra o Náutico, no próximo sábado(17). 

" A reconstrução do clube passa pelo torcedor. Convoco nossa torcida a comparecer no clássico, eles sabem da força que passam e têm uma parcela importantíssima neste processo de retomada da confiança. Agradeço aos que compareceram em Afogados da Ingazeira, nos apoiaram nesta vitória ", pontuou o técnico. 

FASE 
" Estamos há três jogos sem perder depois de uma sequência negativa. Não ganhamos nada, não estamos bem na tabela do Pernambucano ainda. Queremos ficar entre os quatro primeiros para decidir em casa. A competição não é fácil, todos vendem muito caro os resultados. Acho que merecemos o momento que estamos vivendo, é um motivo a mais para recebermos o apoio do torcedor ". 

BOLA PARADA 
" A bola aérea é algo trabalhado. Criamos algumas alternativas porque Arthur (Rezende) vem sentindo um pouco a região anterior da coxa e optamos pelo (Henrique) Ávila. Estamos treinando o posicionamento, a entrada organizada. Os jogadores estão assimilando, comprando a ideia e a tendência é dar certo. Fomos felizes de novo neste aspecto ". 

FUTURO
" Temos as situações do departamento médico, mas para jogar precisa estar 100%. Temos que respeitar a avaliação médica, descansar com quem jogou nesta quarta-feira. O calendário está cheio, mas o Náutico também entrou em campo pela Copa do Brasil. Não podemos reclamar, o estímulo do atleta é o jogo ".

Compartilhe:

Júnior Rocha analisa pressão do adversário e enaltece comprometimento dos jogadores

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.