Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

68,6666666666667

Classifique:

Futebol Profissional

Elenco coral participa de palestra sobre arbitragem e regras do jogo

Publicado: sexta-feira,11 de janeiro de 2019, às 10:49
Por: Alexandre Ricardo

Concentrados desde o início de janeiro em Aldeia, os jogadores do Santa Cruz tiveram uma programação diferente nesta quinta-feira(10). Entre os treinamentos com bola, que aconteceram em dois períodos, o elenco tricolor foi submetido a uma palestra sobre arbitragem e regras do jogo. 

A conversa teve a participação de Emerson Sobral, Francisco Domingos e Erich Bandeira, integrantes da Comissão Estadual de Arbitragem, a CEAF. O executivo de futebol do clube, Luciano Sorriso, também participou da conversa que abordou detalhes da regra e citou alguns exemplos recentes para fixar as informações. 

Quem falou sobre o encontro foi o zagueiro William, recém-contratado pelo Mais Querido. De acordo com ele, conversas desse tipo são comuns e muito importantes neste período que antecede o início das competições. 

" Foi falado que mudaram algumas regras, eles passaram algumas novas instruções. Aspectos como a mão na bola, a interpretação do carrinho frontal. Foi citado, por exemplo, o lance do jogador do Corinthians que quebrou a perna, nesta semana durante a Copa São Paulo de Futebol Júnior. Era uma lance para expulsão. São situações que a gente vai absorvendo para entender e atuar da melhor maneira ", disse o defensor. 

ESCALA DEFINIDA 
A Confederação Brasileira de Futebol divulgou a escala de arbitragem para a primeira rodada da Copa do Nordeste. Para conduzir o duelo entre Botafogo da Paraíba e Santa Cruz, o trio será do Rio Grande do Norte: o árbitro é Pablo Ramon Goncalves Pinheiro, auxiliado por Flávio Gomes Barroca e Luis Carlos de França Costa.

Compartilhe:

Elenco coral participa de palestra sobre arbitragem e regras do jogo

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.