Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

68,6666666666667

Classifique:

Futebol Profissional

Esperando equipe mais agressiva, Leston Júnior confirma chance de mudanças

Publicado: quarta-feira,24 de abril de 2019, às 15:19
Por: Alexandre Ricardo

O técnico Leston Júnior faz seus últimos ajustes para a partida contra o Fluminense/RJ, que define o classificado para as oitavas de final da Copa do Brasil. Antes do treino da tarde desta quarta-feira(24), no Estádio do Arruda, o treinador coral falou sobre o jogo e o desafio de reverter a vantagem de 2x0, construída pelos cariocas no Maracanã.

Em relação à equipe, o comandante manteve o segredo das duas movimentações da semana, que foram fechadas para a imprensa. Confirmando que existe a possibilidade de mudança na escalação que entrou em campo nos primeiros 90 minutos, Leston Júnior também falou sobre o que espera ver de postura dentro das quatro linhas. 

" Nós vamos manter uma questão de base de trabalho, uma estrutura de time. Sempre naquela linha de uma ou duas trocas, de acordo com o que a gente vai ter de estratégia. Sempre pautei por isso desde o início. Procuramos nesses dias trabalhar algumas alternativas para a gente escolher a melhor opção. Vamos tentar fazer um jogo forte, tentando transformar o volume em chances de marcar os gols ", bastou-se a dizer.

A palavra mais repetida pelo técnico coral foi passividade. O ritmo lento com que o Santa Cruz enfrentou o adversário no primeiro tempo do jogo de ida, culminando na construção do marcador a favor do Fluminense. Algo que, segundo ele, é o ponto que vem sendo trabalhado para fazer diferente. Agora, com a torcida a favor.

" Ninguém é menino para achar que vamos chegar e meter três no Fluminense, assim tão fácil. Mas no futebol é possível, e nosso vestiário sabe disso. Os jogadores estão se dedicando bastante para que essa classificação seja possível. Nosso sentimento, depois do primeiro tempo lá no Maracanã, foi de desapontamento. O próprio Fernando Diniz, técnico do Fluminense, disse que foi o melhor primeiro tempo no ano. Precisamos ser mais agressivos para roubar essa bola e chegar na frente ", afirmou Leston Júnior. 

POSTURA 
" Muita gente falou que fomos covardes, entramos recuados. Não consigo conceber como um treinador de 40 anos, jogando no Maracanã, numa oportunidade de visibilidade incomum, dizendo para seu time: 'não vamos jogar, vamos ficar atrás'. Não tem lógica. Erramos em não chegar junto. Se de repente não estávamos pegando a bola, que chegasse mais forte e mostrasse que estávamos lá. Erramos neste sentido ".

MODIFICAÇÕES 
" Não vou inventar nada, até porque não seria inteligente. Vamos escolher as peças necessárias dentro daquilo que a gente precisa: buscar o primeiro gol. E a partir daí, trabalhar para igualar o placar agregado e chegar com chances de decidir ainda durante os 90 minutos ".

ARRUDA
" Acredito na classificação porque a atmosfera do Arruda é diferente. A história do clube já demonstrou, o retrospecto recente aqui também, com a gente. Existe uma parábola que diz o seguinte: 'as pessoas rezam para chover, mas não saem com guarda-chuva'. Então, é uma fé mentirosa. Vamos entrar em campo com fé, mas preparados para isso ".

Foto: Assessoria de Imprensa/Santa Cruz

Compartilhe:

Esperando equipe mais agressiva, Leston Júnior confirma chance de mudanças

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.