Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

68,6666666666667

Classifique:

Futebol Profissional

Jogadores ficam na bronca com primeiro tempo, mas valorizam ponto conquistado

Publicado: segunda-feira,29 de abril de 2019, às 23:11
Por: Alexandre Ricardo

O Santa Cruz não saiu de campo derrotado, na primeira rodada da Série C do Brasileirão, por uma questão de segundos. O gol de Guilherme Queiróz, que garantiu o 2x2 no placar contra o Treze/PB, saiu com quase 51 minutos do segundo tempo, dando um sentimento de alívio aos atletas nas quatro linhas e à torcida na arquibancada. 

Após o apito final, os jogadores demonstraram insatisfação com o rendimento da equipe no primeiro tempo, quando o adversário abriu 2x0 no placar e teve chances de aumentar o prejuízo no lado coral. Por outro lado, a perseverança de evitar o resultado negativo foi um ponto exaltado nos discursos vindos do elenco. 

Anderson: " Deixamos a desejar e infelizmente acabamos levando dois gols, mas fomos merecedores do empate e buscamos o placar. Tem que respeitar o Santa Cruz, não adianta chegar e ficar dando toquinho de letra. Não é qualquer um que chega aqui e ganha da gente ".

Pipico: " Sabemos que não entramos bem no primeiro tempo. Vem acontecendo em outros jogos e a gente vem se cobrando internamente. Não conseguimos repetir o nível dos jogos contra ABC/RN e Fluminense/RJ. Mas acertamos no vestiário, durante o intervalo. Nos reorganizamos e voltamos com outra postura. Conseguimos empatar um jogo difícil ".

Guilherme Queiróz: " Fazer um gol no final, pelo contexto, dá confiança ao jogador. O professor (Leston Júnior) tem as opções dele e a gente respeita. Quero assumir a titularidade, mas não podemos entrar como entramos nos minutos iniciais. Buscamos o resultado que não é ruim devido as circunstâncias, de sair perdendo por 2x0 ". 

Compartilhe:

Jogadores ficam na bronca com primeiro tempo, mas valorizam ponto conquistado

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.