Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Num calendário intenso, Fortaleza/CE vive dilema entre Nordestão e Série A

Publicado: quarta-feira,8 de maio de 2019, às 16:06
Por: Alexandre Ricardo

Único clube vivo na Copa do Nordeste que disputa a Série A do Campeonato Brasileiro, o Fortaleza Esporte Clube é o grande favorito para o título do Nordestão. Adversário do Santa Cruz na semifinal, o Leão do Pici passa por um momento de muitos jogos disputados, com o início do Brasileirão, a reta final do torneio regional e a aproximação com as oitavas de final da Copa do Brasil. 

O intenso calendário tem acendido uma discussão acerca da prioridade do Fortaleza para este momento. De volta à elite do futebol nacional após 12 anos, o Tricolor Cearense tem a missão clara de evitar o rebaixamento. Para isso, um bom início de competição é encarado como algo crucial para as pretensões da equipe. Em três rodadas disputadas, o time venceu o Athletico/PR, na Arena Castelão, e perdeu fora de casa para Palmeiras/SP e Botafogo/RJ.

Nos bastidores, a informação é de que a direção encara a Copa do Nordeste com alto grau de importância, já que além de se tratar de um título inédito na história do clube, o Fortaleza teria uma vaga direta nas oitavas da Copa do Brasil do ano que vem. Porém, o técnico Rogério Ceni, mantido após o título da Série B do ano passado, trouxe os dois lados do assunto ao projetar a partida do próximo domingo(12), contra o São Paulo no Castelão.

" Através de conversas com a direção, nós temos uma prioridade que é a Copa do Nordest.  Tentar levar esse time a final. E isso nos prejudica, porque o São Paulo pode descansar e trabalhar durante a semana inteira, enquanto nós vamos estar nos desgastando em um jogo eliminatório, um jogo único, pra tentar chegar a final dessa competição ", disse o treinador.

A escalação do Fortaleza para enfrentar o Santa Cruz, às 21h30 desta quinta-feira(9), é uma incógnita. A formação que entrou em campo no último fim de semana, na derrota por 1x0 para o Botafogo, teve Felipe Alves; Tinga, Quintero, Nathan e Carlinhos; Araruna, Juninho e Romarinho; Osvaldo, Júnior Santos e Wellington Paulista. Nomes constantemente utilizados na temporada, como Edinho e Dodô, ficaram no banco de reservas.

Foto: Paulo Matheus/Fortaleza EC

Compartilhe:

Num calendário intenso, Fortaleza/CE vive dilema entre Nordestão e Série A

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.