Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

68,6666666666667

Classifique:

Futebol Profissional

Santa Cruz encerrou jejum de dois anos sem vitória no Clássico das Emoções

Publicado: domingo,23 de junho de 2019, às 14:24
Por: Alexandre Ricardo

Além de ajudar o Santa Cruz a se estabelecer entre os quatro primeiros colocados do Grupo A da Série C, a vitória no Clássico das Emoções quebrou um tabu que já durava dois anos. A última vez que o Mais Querido derrotou o Náutico foi em maio de 2017, na disputa pelo terceiro lugar do Campeonato Pernambucano. 

Desde então, foram nove encontros entre tricolores e alvirrubros, em competições diversas: Série B e Série C do Brasileirão, Campeonato Pernambucano, Copa do Brasil e Copa do Nordeste. Porém, houve mais equilíbrio do que propriamente um domínio do Timbu, com sete empates e apenas duas vitórias do clube da Rosa e Silva. 

Em um destes confrontos, realizados neste ano pela segunda fase da Copa do Brasil, o Santa Cruz acabou levando a classificação, mas no tempo normal o placar foi de 1x1, com a definição saindo nos pênaltis. O jejum agora já é relevante para o Náutico, que ganhou o clássico pela Terceirona de 2018, no mês de junho. Quatro jogos depois, todos em 2019, o saldo é de três empates e um triunfo coral. 

REGISTRO ANTERIOR 
A última vitória do Santa Cruz em questão aconteceu na Arena de Pernambuco, quando a Cobra Coral ainda tinha Vinícius Eutrópio no comando técnico. Eliminado pelo Salgueiro na semifinal, o Mais Querido foi para a disputa do terceiro lugar que garantiria uma vaga na Copa do Nordeste do ano seguinte. André Luís e Roberto marcaram para o Time do Povo, enquanto Alisson descontou o prejuízo para o Náutico.

Compartilhe:

Santa Cruz encerrou jejum de dois anos sem vitória no Clássico das Emoções

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.