Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

68,6666666666667

Classifique:

Futebol Profissional

Empresário revela possibilidade de negociar Charles com outro clube, ainda neste ano

Publicado: sábado,7 de setembro de 2019, às 14:36
Por: Alexandre Ricardo

Depois de não concretizar o empréstimo com o Vilafranquense, clube da segunda divisão do Campeonato Português, o volante Charles permanece com chances de ser cedido a outro clube para finalizar a temporada. De contrato até novembro do ano que vem, o jogador de 24 anos vem despertando o interesse de alguns clubes das séries A e B do Brasileirão, de acordo com seu empresário.

" O Charles voltou da Europa, chegou nessa semana aqui no Brasil devido ao fechamento da janela de transferências. Uma equipe da Série B já me procurou, só que estou em processo de conversa com um clube da Série A, aguardando essa confirmação deles para a gente poder emprestar o jogador e ele se manter em atividade nesse restante do ano ", contou Ytalo Pontes, em entrevista à Rádio Jornal.

Os moldes desse possível repasse seriam os mesmos do que aconteceria com o Vilafranquense, com o Santa Cruz colocando à venda uma porcentagem dos direitos econômicos do volante, em caso de interesse do clube em questão. 

VERSÕES 
Apesar do negócio com o futebol português não ter sido finalizado, existia uma possibilidade de Charles desembarcar em terras lusitanas no mês de janeiro, que marca o meio da temporada europeia. Porém, a informação veiculada pela imprensa local é de que o jogador não teria aprovado as condições do Vilafranquense Futebol Clube. Em contrapartida, a diretoria do clube de Vila Franca de Xira se defendeu ao dizer que o atleta teria exigido situações inviáveis, como um carro e uma casa de frente para o mar.

Foto: Assessoria de Imprensa/Santa Cruz

Compartilhe:

Empresário revela possibilidade de negociar Charles com outro clube, ainda neste ano

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.