Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

88,2857142857143

Classifique:

Futebol Profissional

Com goleiros como protagonistas, Santa Cruz e Bahia empatam no Arruda

Publicado: sábado,25 de janeiro de 2020, às 18:09
Por: Alexandre Ricardo

O TIME - Preocupação devido a um quadro de virose, o atacante Pipico foi liberado pelo departamento médico e iniciou normalmente a partida contra o Bahia. Porém, a principal surpresa ficou por conta do meio-campo Didira, que estreou na condição de titular, apesar do pouco tempo junto ao restante do grupo. Na lateral-esquerda, também regularizado, Fabiano foi a outra novidade. Autor do gol da virada sobre o Retrô FC, pelo Estadual, Mayco Félix também ganhou oportunidade. Com essas mudanças, o Santa Cruz foi a campo da seguinte forma: Maycon Cleiton; Júnior, Danny Morais, William Alves e Fabiano; Bileu, Paulinho e Didira; Jeremias, Mayco Félix e Pipico.

O JOGO - Num jogo de muitas alternativas, Santa Cruz e Bahia protagonizaram um duelo movimentado no Estádio do Arruda, pela primeira rodada da Copa do Nordeste. Com o goleiro Maycon Cleiton se destacando através de boas defesas, o clássico regional ganhou emoção nos últimos instantes de bola rolando, com direito a expulsão. Mas o 0x0 prevaleceu e as equipes deixaram o gramado com um ponto somado.

Diante de um adversário qualificado, o Santa Cruz entrou com a clara proposta de recuar as linhas de marcação e aproveitar os erros de passe para surpreender o adversário. A primeira grande chance do jogo foi dos baianos, com João Pedro avançando pela direita e tabelando com Gilberto. Cara a cara com Maycon Cleiton, o lateral-direito foi parado com uma boa defesa do camisa 1 coral.

Dez minutos depois, João Pedro chegou novamente, em liberdade. Desta vez, optou por tocar para trás, mas novamente Maycon Cleiton chegou para interceptar. Em seguida, foi a vez do Santa Cruz assustar, com William Alves finalizando após Didira cobrar falta na área. Com maior posse de bola, o Bahia seguiu incomodando, apostando na velocidade de Élber e Clayson, os dois atacantes pelos lados.

Antes do intervalo, as equipes ainda chegaram perto de abrir o placar. Do lado baiano, Maycon Cleiton evitou que Élber entrasse em liberdade, após receber lançamento. O arqueiro abandonou o gol e afastou de cabeça. Já o Santa Cruz fez o goleiro Douglas trabalhar com chutes de média distância, principalmente quando Jeremias chutou com efeito, por volta dos 40 minutos, e o goleiro espalmou, no susto, para escanteio.

Na segunda parte do jogo, o Santa Cruz esteve mais presente no campo de ataque, acionando a movimentação de Pipico pelo lado esquerdo. Foi assim que o camisa 9 fez um jogada individual, aos 15 minutos, e cruzou para Mayco Félix, que só conseguiu tocar com o bico da chuteira na bola, sem direcionar para o gol. A resposta do Bahia veio com Gilberto, que desviou cruzamento de Juninho, mas a bola foi para fora. 

A torcida coral suspirou logo em seguida, antes mesmo dos 20 minutos, quando Jeremias cobrou falta na área e Gilberto desviou de cabeça, quase marcando gol contra. O desgaste foi tomando conta das equipes e tudo parecia acabar sob uma temperatura morna, mas pouco antes dos acréscimos Ítalo Henrique lançou Patrick Nonato, que partiu nas costas de marcação e trombou com o goleiro Douglas, que acabou realizando a falta.

Por ser o último homem, o arqueiro do Tricolor de Aço acabou levando o cartão vermelho de maneira direta. Já com as três modificações realizadas, o técnico Roger Machado escolheu o centroavante Fernandão para improvisar no gol. Com apenas cinco minutos de bola rolando, ele só apareceu em falta cobrada por Paulinho, socando a bola pra escanteio. Com o Bahia recuado, o Santa Cruz não conseguiu aproveitar a vantagem e o árbitro Wagner Reway encerrou o duelo.

MODIFICAÇÕES - O Santa Cruz voltou para o segundo tempo com uma mudança realizada. Alegando cansaço, Didira deixou o jogo, sendo substituído por Toty. A segunda alteração só foi realizada quando o relógio marcava 36 minutos: Ítalo Henrique entrou no lugar de Bileu. Por volta dos 40, Jeremias se queixou de cãibras e deixou o jogo. Patrick Nonato entrou no setor ofensivo.

Foto: Rafael Melo/Santa Cruz

Compartilhe:

Com goleiros como protagonistas, Santa Cruz e Bahia empatam no Arruda

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.