Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

77,25

Classifique:

Futebol Profissional

Três pratas da casa estreiam no time principal do Santa Cruz

Publicado: sexta-feira,14 de fevereiro de 2020, às 08:29
Por: Alexandre Ricardo

A partida contra o ABC/RN foi especial não só pela primeira vitória do Santa Cruz na edição 2020 da Copa do Nordeste. Sem escalar alguns dos titulares, que vêm atuando com frequência, o técnico Itamar Schulle lançou três pratas da casa na equipe, depois de já ter promovido a estreia do atacante Felipe Almeida, contra o Vitória das Tabocas. 

Tanto o volante André quanto os meias João Cardoso e Felipe Cabeleira já haviam sido relacionados, mas desta vez ganharam minutos em campo, cada um de uma maneira diferente. Enquanto João Cardoso foi titular, formando o setor de criação com o experiente Didira, André e Felipe Cabeleira entraram no decorrer da partida, ajudando no triunfo pelo placar de 1x0.

Depois do apito final, Itamar Schulle analisou a situação de todos os três, ressaltando a satisfação de lançar jovens promessas das categorias de base, que construíram a melhor campanha da história do Mais Querido na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Além de Felipe Almeida, que se recupera de uma entorse no tornozelo, o goleiro Rokenedy também treina com o elenco profissional.

JOÃO CARDOSO 
" Vinha de uma lesão, sabíamos que não ia jogar 90 minutos. Coloquei para fazer essa ligação no meio-campo. Horas funcionou, outras não. É natural. Ele vai se adaptando, vai crescendo, pegando maturidade e confiança. No segundo tempo mudamos o posicionamento com o Didira, foi bem melhor. E depois ele foi cansando, tivemos que tirar ".

ANDRÉ 
" É um jogador de imposição, que sabe marcar e sair para jogar com um bom passe. Tem algumas mudanças de bola mais longa, para outras curtas. Ele também vai pegar, maturar. Hoje teve o início, jogando um campeonato dificílimo, durante 45 minutos. E a equipe cresceu com a entrada dele também. No meu modo de ver, foi muito bem  ".

FELIPE CABELEIRA
" Na Copinha, ele era opção. Foi entrando. Está treinando conosco, é um menino. Ainda aquém na parte física, entre outras coisas. Mas entrou bem, segurando a bola e com presença na área, finalizou numa bola que quase fazia gol. É um menino de 18 anos, mas com personalidade. Fico feliz por colocá-lo. Todos deram uma resposta positiva ".

Ouça o gol da vitória e a entrevista com Itamar Shulle

Foto: Rodrigo Baltar

Compartilhe:

Três pratas da casa estreiam no time principal do Santa Cruz

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.